Uma semana utilizando o Windows 10 Mobile no meu Nokia Lumia 820

Decidi instalar, só por curiosidade, o Windows 10 Mobile no meu Nokia Lumia 820. A instalação é fácil: basta ter uma conta do Windows Insider (ou criar uma) e instalar o app Windows Insider, conforme descrito aqui.

A instalação demorou por volta de 2 horas, mas ocorreu sem maiores problemas. Após a instalação, salvei alguns screenshots:

wp_ss_20150709_0003

A tela inicial, conforme é possível ver acima, não trouxe muitas novidades. A primeira coisa que eu notei foi o espaçamento entre os tiles, que diminuiu consideravelmente. Depois, o link abaixo All Apps ->, que entrou no lugar da bolinha com a setinha no centro do Windows 8.1. Estes detalhes fizeram o visual realmente parecer mais clean que o do Windows 8.1, mas algumas coisas não me agradaram muito: o ícone de carga da bateria é extremamente pequeno, de forma que é quase impossível enxergar quando o aparelho está, de fato, sendo carregado e quando não está – percebam que, neste screenshot, o aparelho está sendo carregado. Tenho quase certeza de que isto é algo que a MS ainda está ajustando para a versão final, porque ainda está bem ruim. Outra coisa que não me agradou muito foi a modificação do funcionamento da foto de fundo da tela inicial, que agora ocupa toda a área e os botões aparecem por cima da foto de forma esmaecida (semitransparente). O funcionamento do Windows 8.1, que mantinha os espaçamentos pretos e aplicava a foto somente no fundo dos botões, era mais bonito, na minha opinião. Isto não parece ser algo que será ajustado, mas sim by design, pois já existe até mesmo uma área de preview em funcionamento para esta configuração.

wp_ss_20150709_0002

Na listagem dos apps, algumas novidades bem-vindas: barra para pesquisa pelo nome do app e lista com os itens adicionados recentemente. O visual da lista também mudou um pouco, adotando, não curiosamente, o estilo do Windows 10.

wp_ss_20150709_0001

wp_ss_20150709_0005

Ao expandir a barra de notificações, também é possível expandir a barra de configurações rápidas (screenshot acima), trazendo um atalho para várias opções de forma facilitada. Atenção para o item Flashlight que torna vários apps que só existem para este fim obsoletos. É impossível, nesta versão, desmarcar a opção Quiet Hours, que parece que ainda não está 100% implementada. Também tem um botão Note curioso, que nada mais faz do que abrir o OneNote na nuvem para anotações. Todos estes botões, às vezes, nesta versão, não funcionam se a página de configurações já estiver “aberta”. Abaixo dos botões é possível ver os itens de notificação, ainda exibindo alguns GUIDs em alguns placeholders que, futuramente, devem ser consertados.

wp_ss_20150709_0008

Outra boa novidade do Windows 10 Mobile: Windows Explorer nativo!

Bem, após uma semana utilizando o Windows 10 Mobile, o aparelho se auto-atualizou para um build mais recente (10143, salvo engano) e não conseguiu mais iniciar desde então: ficava apresentando a tela azul de erro do Windows (BSOD) e reiniciando em um loop infinito. Somente com a ajuda do Windows Phone Recovery Tool é que eu consegui voltar a fazer o telefone funcionar, com o Windows 8.1 original.

Minhas impressões gerais foram: sensivelmente mais lento que o Windows 8.1 (ainda não sei se por conta de símbolos para debug ou algo parecido nos builds) e ainda bem inacabado (acredito que não tenha condições de ser lançado no dia 29/Jul, juntamente com a versão para desktop). App de câmera melhorou um pouco, deixando as configurações mais visíveis e fáceis. O teclado inseriu as setinhas para navegação no texto, o que eu achei bom, mas ele não tem vírgula visível e nem mesmo a opção de deixar a vírgula visível conforme existe no 8.1. Torço para melhorarem isso, o português agradece! Não detectei nenhuma mudança muito drástica no funcionamento para quem já está acostumado com o Windows 8.1 – assim como ocorre na versão do Windows 10 para Desktop. Algo curioso foi: quando eu desligava a tela do aparelho (botão liga/desliga), o GPS também era desligado, e o Waze parava de funcionar. Isso não acontece no Windows 8.1 e, sinceramente, não sei dizer se é um bug ou uma feature do Windows 10. Não sei se irão modificar esse comportamento até a versão RTM, mas seria interessante se isso fosse, pelo menos, configurável, já que, por parte do Google (que comprou o Waze), não existirão mais atualizações do Waze para o Windows Phone.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s